Posts Tagged ‘Foz do Iguaçu’

On the Brazil side of the falls, you can get within touching distance and really feel the power of the masses of water flowing and falling down the river.

On the Brazil side of the falls, you can get within touching distance and really feel the power of the masses of water flowing and falling down the river.

Cataratas do Iguaçú não é à toa que está entre as 7 maravilhas naturais do mundo. Mas a cidade de Foz do Iguaçú tem muito mais do que o Parque Nacional, a cidade oferece diversas opções de parques e lojas para quem gosta de fazer compras.

Para chegar lá é bem fácil tem aviões saindo das principais cidades do Brasil e diversas opções de onibús. Para ficar, você pode escolher entre albergues e hotéis chiques, para comer esse é o problema a cidade oferece poucas opções de qualidade, churrascarias e casas de massas são os restaurantes mais comuns.

Segue um pouco sobre os pontos a serem visitados:

Parque Nacional de Iguaçú – é um conjunto de cerca de 275 quedas de água que estão compartilhadas entre o território brasileiro e argentino. Os dois parques no total possuem  mais de 250 mil hectares de floresta subtropical. As diferenças entre os dois é notória, enquanto no Brasil se tem uma visão ampla da cortina de água do lado argentino você fica mais perto das quedas graças as suas passarelas suspensas que passam por cima das quedas ou te permite estar cercada por 260 graus de cachoeiras. Além das quedas você consegue ver diversos animais. Então fique bem atento. Para entrar nos parques é cobrada uma entrada de R$41,10 para estrangeiros e R$24,60 para brasileiros no Parque Nacional do Iguaçú; Parque Nacional de Iguazu $130,00 para estrangeiros e para Brasileiros e Mercosur $90,00,no lado argentino só é aceito pagamento em pesos argentinos.

Macuco Safári: passeio inicia-se a cerca de 3km das Cataratas, na rodovia que corta o Parque. Nos jipes os guias vão explicando as principais características da fauna e da flora da região.
Depois, parte do percurso é feito a pé, descendo à garganta do rio, onde imponentes penhascos permitem ver de perto o salto do Macuco (altura de mais de 20m sobre rochas). Depois o passeio continua em barcos infláveis, que nos levam até bem perto da base das quedas. O Passeio sozinho custa R$156,00, mas se tiver tempo e pique vale a pena comprar o passaporte do parque por R$200,00 onde além do macuco safari você tem direito ao parque das aves, almoço no restaurante porto canoas e jantar na noite italiana.

Dentro do parque ainda é possível fazer diversos passeios de trilhas, observação de aves, arvorismo, rapel e outras coisas para mais informações acesse o site ou se informe dentro dos parques na central de turismo.

Fora do Parque

Usina de Itaipu: uma das maiores atrações da região. De lá é possível entender como funciona e qual a importância dessa usina que com a sua construção teve sim diversos pontos negativos mas que também permitiu o crescimento da região e o abastecimento de energia elétrica ao país.
A barragem foi construída no Rio Paraná, a cerca de 16km de Foz do Iguaçu, nesse passeio é possível ver a escada de migração de peixes que foi construída para que os peixes pudessem se reproduzir, subindo o rio durante a piracema.
A Usina oferece um permanente centro de recepção com auditório e projeção de filmes explicativos, além de acompanhamento de um guia.
Também abriga o  Ecomuseu de Itaipu com sua coleção de interesse arqueológico, etnográfico e antropológico. Tem como objetivo estudar os impactos da relação do homem com o meio ambiente. O preço para este passeio pode variar entre R$20,00 e R$51,00. Cheque as opções.

Refúgio Biológico Bela Vista : a caminho da Usina vale a pena visitar esse lugar onde os animais e plantas resgatados da região inundada se abrigam. São animais raros ou ameaçados de extinção, como o urubu-rei, o cachorro-vinagre e o veado bororó. O refúgio é considerado um sucesso já que com sua organização propiciou até a procriação de algumas espécies silvestres. A entrada é de R$19,80.

Parque das Aves Foz Tropicana: para quem gosta de aves, aqui vai se impressionar com as mais de 600 aves de 170 espécies diferentes. Em grandes viveiros perfeitamente integrados à floresta alojam-se ricas espécies de aves. Traga sua camera fotográfica por ser permitido entrar em alguns viveiros você consegue tirar fotos bem próximas de aves como: periquitos, tucanos, araras e outras, propiciando o conhecimento das aves brasileiras, bem como de espécies vindas da África, Ásia e Austrália. R$35,00 é o custo do ingresso.

Se quiserem mais dicas ou tiverem dúvidas é só deixar um comentário.